O EQUILÍBRIO ESPIRITUAL É ESSENCIAL PARA UMA VIDA SÃ

Esta afirmativa pode lembrar ou até coincidir, em sua essência, com a famosa frase latina “mens sana in corpore sano”, conhecida e divulgada na antiguidade greco-romana e atribuída a Juvenal, poeta romano – Século X, que derivou interpretações como hoje em voga, para se cuidar do corpo, até muito mais do que da mente.

É evidente que temos de cuidar do corpo, como organismo que precisa sempre estar são e apto a desempenhar as inúmeras e complexas atividades a que se presta, como temos de cuidar de tudo que diga respeito a nossa vida, inclusive nossas atitudes, para vivermos bem, sem dúvida alguma.

Mas, o que penso assim afirmando é que somente no estado de pleno equilíbrio espiritual estaremos em condições de refletir, agir e reagir corretamente, ante todas as ocasiões em que formos levados a isso por motivação de qualquer natureza, em que interagimos, necessariamente, como espíritos e seres sociais que somos, no uso consciente da razão.  E o estado contrário é o que tem provocado toda sorte de desatinos que observamos em nossa sociedade, causando tantos dissabores.

Porque, tenho convicção de que uma pessoa espiritualmente equilibrada jamais cometerá nenhum ato contrário às leis divinas de amor e fraternidade.  Enquanto podemos ter certeza de que as pessoas que cometem as arbitrariedades que tanto observamos e temos notícias, sobretudo a violência que se sobressai em nossa sociedade, encontram-se em desequilíbrio espiritual e, assim, emocional, revelado em suas irrefletidas ações, e certamente com a contribuição das sintonias espirituais/mentais negativas da mesma natureza e que influem e grassam muito mais do que imaginamos.

Por isso a necessidade de nos conscientizarmos da importância de estarmos sempre em equilíbrio, com todo esforço possível para isso, constantemente, por pensamentos palavras e ações bem meditadas, ajuizadas, para não cairmos nos terríveis erros oriundos da ausência do pleno uso da nossa consciência espiritual equilibrada e, quando assim nos dispomos, as correspondentes sintonias divinas de amor e fraternidade em seu amplo aspecto.

Com a certeza de que é pela ignorância dessa realidade espiritual que tanto erramos e sofremos, resultando nesse estado de desamor que vivenciamos; proclamo a todos que meditemos sobre tudo isso, seriamente, e pelo estudo e devida aplicação das virtudes aqui mencionadas, possamos mudar para melhor a nós mesmo, a sociedade em que vivemos e, por extensão, o mundo que habitamos; e, assim, alcancemos a paz e harmonia sempre desejadas;  aparentemente tão longe e espiritualmente tão perto…

Portanto, uníssonos à exaltação popular – mãos à obra!  E, nesse contexto, também é oportuno lembrar as lições de Emmanuel, quando disse: “… Orientar o pensamento, esclarecê-lo e sublimá-lo é garantir a redenção do mundo, descortinando novos e ricos horizontes para nós mesmos.  Ajudemos a vida mental da multidão e o povo conosco encontrará Jesus, mais facilmente, para a vitória da Vida Eterna.” (do livro “Fonte Viva”, c. 144)

Devaldo Teixeira de Araújo.

devaldo@hotlink.com.br

[Autorizada a divulgação desde que respeitadas a integridade e autoria do texto]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s